Transforme o sabor da carne de panela com vinho tinto e especiarias

Uma carne macia e suculenta, que assa lentamente e perfuma a casa durante o cozimento. Os dias de inverno combinam perfeitamente com pratos e momentos assim. Se você adora degustar vinhos tintos na estação, sabia que eles são tão bons para cozinhar quanto para beber?

É o vinho o responsável por transformar a clássica receita de carne de panela, que fica com um sabor ainda mais rico e pronunciado. Nada de usar um vinho mais simples: ao cozinhar é recomendado utilizar o mesmo vinho que você vai beber durante a refeição. Assim, o sabor do vinho que você gosta é transmitido para a receita – e você ainda pode bebericar enquanto prepara sem misturar os sabores.

Pratos de carne e vinho tinto formam uma harmonização certeira. Porém, ao utilizar a bebida para cozinhar, é necessário um preparo lento, para que o álcool, a acidez e o sabor frutado do vinho diminuam e fiquem mais agradáveis ao paladar. Para a receita de carne de panela, utilizamos o acém, uma carne macia e com pouca gordura, que harmoniza perfeitamente com vinhos tintos secos de corpo médio, menor carga tânica e acidez média, como Merlot, Cabernet Franc ou Pinot Noir. Na hora de servir o vinho para a refeição é importante atentar para a temperatura ideal, que é entre 16 e 17ºC.

Uma das razões por que o vinho combina perfeitamente com pratos de inverno, que costumam ser mais pesados e gordurosos, é o fato de que os taninos da bebida ajudam a dissolver a gordura da comida. Nessa receita ele é utilizado em duas etapas: na marinada e como ingrediente na hora do cozimento na panela.

Servimos a nossa carne de panela com polenta mole, mas ela também vai bem com batatas assadas, com massa, com arroz ou até como recheio de sanduíche. Vale a pena experimentar sua combinação favorita.

Um dia de inverno, um belo prato de carne de panela, uma taça de vinho em boa companhia: um verdadeiro convite para desfrutar de momentos extremamente agradáveis na estação.

Ingredientes para a marinada:

2 kg de acém sem excesso de gordura cortado em cubos grandes
2 ramos grandes de tomilho fresco
2 folhas de louro
10 a 12 bagas de zimbro
1/2 garrafa de vinho tinto seco

Ingredientes para o cozimento:

4 dentes de alho (1 esmagado, 3 picados)
4 colheres de sopa de óleo vegetal
3 talos de aipo cortados em pedaços
3 cenouras grandes cortadas em pedaços
2 cebolas cortadas em cubos
1 batata grande descascada e cortada em cubos
100 g de pancetta cortada em cubos pequenos
3 colheres de sopa de azeite de oliva
3 colheres de sopa de extrato de tomate
1 bouquet garni (2 ramos de tomilho fresco, 2 ramos de alecrim ou salsa frescos, 2 folhas de louro, 6 bagas de zimbro, 4 cravos inteiros e 1 colher de chá de casca de laranja seca, embrulhada em gaze e amarrada)
1/2 garrafa de vinho tinto seco
1 xícara de caldo de frango
3 colheres de sopa de salsa picada
1 colher de sopa de salsa picada para servir
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo:

Em um recipiente grande, coloque os ingredientes da marinada.
Misture bem e leve à geladeira por no mínimo 2 horas.
Após esse tempo, retire o líquido da marinada e reserve para o cozimento.
Enxugue a carne com papel toalha, apertando até ficar bem enxuta.
Polvilhe com sal e pimenta-do-reino a gosto.
Em uma panela grande, esfregue o fundo com o dente de alho esmagado até o óleo do alho cobrir a superfície.
Descarte o alho.
Coloque metade do óleo na panela e aqueça em fogo médio.
Acrescente metade da carne e deixe dourar dos dois lados.
Quando estiver dourada, reserve.
Repita com o resto da carne e as duas colheres de óleo restantes.
Depois, retorne toda a carne para a panela.
Aqueça o forno a 120°C.
Em uma frigideira grande, coloque o azeite de oliva e a pancetta.
Frite suavemente, até a gordura se desprender.
Quando a gordura estiver borbulhando, acrescente as cebolas, o aipo, a cenoura e o alho picado.
Cozinhe suavemente, mexendo, até os vegetais ficarem macios e dourados (cerca de 10 minutos).
Aumente o fogo, acrescente o extrato de tomate e continue cozinhando e mexendo, até tudo ficar cheiroso e borbulhar.
Acrescente o bouquet garni, a marinada reservada e a batata.
Deixe cozinhar por 5 a 10 minutos, até que o líquido engrosse.
Coloque todo o conteúdo da frigideira na panela onde está a carne (a panela deve poder ir ao forno).
Por cima, derrame o vinho e caldo suficiente para cobrir os ingredientes.
Mexa para misturar.
Tampe e leve ao forno por 3 a 4 horas, até que a carne esteja macia e o molho espesso.
Após 3 horas, se o líquido ainda estiver ralo, destampe e cozinhe até engrossar.
Quando estiver pronto, deixe esfriar ligeiramente, descoberto.
Retire e descarte o aipo e o bouquet garni.
Prove e ajuste o tempero com sal e pimenta-do-reino.
Sirva com salsinha e tomilho picados.

Tempo de preparo: tempo de preparo da marinada mais 4h20min
Rendimento: 8 porções

Deixe uma resposta