Sagu de café: um doce sofisticado e com propriedades estimulantes

O outono pede sobremesas que nos fazem tocar as nuvens. E como tudo fica bom com café, desta vez até o sagu entrou nessa brincadeira de se reinventar nesta estação e mostrar o seu potencial.

Feito com bolinhas de mandioca cozidas, o sagu é um doce muito comum quando feito com vinho tinto e bastante conhecido na região Sul, justamente por ter sido criado aqui mesmo pelos imigrantes europeus. Além disso, o preparo dessa receita não poderia ser mais simples.

Mas como na cozinha a criatividade sempre fala mais alto, descobrimos uma maneira deliciosa e bem diferente de degustar essas pérolas macias e transparentes. Simples e sofisticada, a nossa receita de Sagu de café com creme tem propriedades estimulantes e funciona bem como sobremesa depois do almoço, uma vez que ajuda na digestão e aumenta os níveis de energia: especial para quem quer finalizar a refeição de um jeito chique e bem brasileiro: no lugar do cafezinho, sirva esta sobremesa bem geladinha.

Ingredientes do sagu:

1 xícara de sagu
2 xícaras de café passado para hidratar
3 xícaras de café passado para cozinhar
2 xícaras de açúcar cristal

Ingredientes do creme:

1/2 litro de leite
1 gema peneirada
2 colheres de sopa bem cheias de amido de milho
1 colher de chá de essência de baunilha
1 xícara de açúcar

Modo de preparo:

Coloque o sagu em um recipiente com 2 xícaras de café passado.
Deixe descansar por 1 hora.
Em uma panela, coloque 3 xícaras de café passado.
Deixe ferver e acrescente o sagu hidratado.
Mexa e deixe cozinhar até as bolinhas estarem quase totalmente transparentes.
Acrescente o açúcar e deixe cozinhar até que o sagu fique transparente.
Deixe esfriar.
Em uma panela, coloque o leite, a gema, o amido de milho, a essência de baunilha e o açúcar.
Cozinhe mexendo até virar um creme.
Sirva o sagu com o creme por cima.

Preparo: 1h30min
Rendimento: 8-10 porções

Deixe uma resposta