Acerte no sanduíche!

Quando você entra nas nossas lojas e circula pela padaria, costuma se perguntar com frequência: “qual pão eu vou levar para casa hoje”? Se sim, aqui está aquela dica amiga para acabar com a sua indecisão e ainda fazer você acertar nos itens que colocará na mesa de casa.

Combinar o recheio com o tipo de pão. Esse é o segredo principal para um perfeito sanduíche. Claro que o sanduíche ficará igualmente bom se você pegar aquele pão que mais gosta na prateleira; entretanto, você terá mais sucesso e ficará mais seguro quanto ao resultado final (especialmente quando for oferecer os sanduíches a outras pessoas) se adquirir o insumo correto. De maneira geral, recheios mais pesados pedem pães mais resistentes, firmes e com casca mais dura, enquanto os pães mais macios ficam para os recheios leves e pastas menos densas, como um patê, por exemplo.

Vamos às definições!

Para refeições mais leves = Pão Integral

Com ingredientes mais saudáveis, ele é rico em fibras, o que garante mais saciedade e tira a vontade de comer constantemente. Ideal para quando você, a mulher ou o marido estão fazendo uma dieta. Como ele é uma variação do pão caseiro/de forma, também serve para torradas ou misto quentes. Bons condimentos para rechear este pão são: ricota, queijos brancos, saladas, patês, atum, entre outros saudáveis.

Para sanduíches abertos = Pão Italiano/Baguete

Por serem mais consistências e conseguirem manter a estrutura dos ingredientes que vão por cima sem alterar a textura, a baguete e o pão italiano são bons exemplos de pães para sanduíches abertos, montaditos e bruschettas. Tomate, cebola, queijos, azeite e manjericão são uma excelente combinação para bruschettas. Já um sanduíche aberto com salame ou copa, queijo e rúcula é o clássico que agrada.

Com molhos mais estruturados = Pão Ciabata

De casca firme e miolo leve, o ciabatta consegue sustentar molhos estruturados, impedindo que desmanchem o pão, como um sanduíche de pernil desfiado, que leva tomate pelado e molho inglês. Para os vegetarianos, o pão ciabatta compõe bem combinações à base de vegetais grelhados. Os pães rústicos com a casca mais dura podem igualmente ser utilizados para sanduíches assim.

Com molhos mais leves = Pães macios

Um brioche, um pão d’água ou francês, caseiro, de forma, cervejinha ou bisnaguinha são exemplares de pães macios. Quanto mais fofinho for o miolo, mais absorverá o recheio. Por isso, para evitar que os condimentos amoleçam o pão, é necessário optar por molhos mais leves e não tão líquidos, a exemplo da maionese, do requeijão, dos patês, entre outros.

Para torradas ou misto quente = Pão de forma

Para ter sempre na prateleira de casa, salvar aquele lanche rápido e, especialmente, para aquele prensado na sanduicheira grill com presunto e queijo que derrete, não existe outro pão mais perfeito do que o pão de forma. E se der vontade, ele ainda serve para sanduíches mais elaborados também ou aquele clássico: queijo, presunto, alface, tomate, ovo e maionese.

O INFALÍVEL:

Para todas as ocasiões = Pão francês

Na dúvida, aposte nele. Se estiver quentinho, recém-saído do forno, nem precisa montar todo o sanduíche, certo? É só passar uma manteiga ou margarina, preparar uma xícara de café preto e saborear. Ou, ainda, pegar várias fatias daquela mortadela Bologna e montar ao estilo Mercado Público de São Paulo, que tal?

Deixe uma resposta