A diferença entre cold brew e café gelado: aprenda para servir

Provavelmente você já viu ou ouviu esta palavra por aí, em cardápios de cafeterias ou até mesmo da boca dos seus amigos, filhos ou familiares: cold brew (lê-se “cold bru”). Um novo jeito de preparar e apreciar café que você precisa conhecer. É extraído a frio e saboreado gelado. Mas, então, é a mesma coisa que o café gelado (iced coffee)? Não exatamente. Vamos conhecer as diferenças!

O cold brew é extraído a partir do processo de embeber grãos de café moídos (no modo grosso ou médio) em água na temperatura ambiente por um longo período, mínimo de 12 horas de descanso. Ou seja, jamais é exposto ao contato com a água quente e é filtrado posteriormente, antes de servir, diferentemente do café gelado, que é extraído da maneira tradicional (passando a água quente pelo café enquanto filtra) e depois refrigerado antes de servir. Dessa forma, o cold brew acaba sendo duas vezes mais concentrado em cafeína do que o café regular ou o café gelado, visto que esse último ainda leva gelo no copo, o que dilui mais a bebida.

No que diz respeito ao sabor, o cold brew é menos amargo, mais suave e com um aspecto mais achocolatado do que o café tradicional. A receita é supersimples de preparar: basta fazer a infusão dos grãos de café moído grosso ou médio na água em temperatura ambiente e deixar descansar. O processo, no entanto, demanda tempo e paciência para a obtenção da bebida final.

Se você deseja preparar a bebida para servir aos amigos ou familiares em uma próxima ocasião, pode conferir a nossa receita do #ZaffariDrinks:

Deixe uma resposta