4 deliciosas maneiras de fazer o ovo: mexido, poché, nevado e omelete

O ovo é um alimento rico em proteínas importantes para manutenção da nossa massa magra e contém colina, nutriente precursor da acetilcolina, neurotransmissor fundamental para memória e desempenho cognitivo. Aliado a alguns truques funcionais, o ovo pode ser um dos queridinhos do plano alimentar.

Confira as dicas da nutricionista Juliana Bueno sobre as formas saudáveis de consumir ovos e inclua as favoritas no seu cardápio, do café da manhã ao jantar.


Café da manhã com ovo mexido: o ovo é perfeito para ser consumido logo pela manhã, pois quanto mais proteínas ingerimos neste momento, menos neuropeptídio Y liberamos e assim o nosso apetite fica mais controlado durante o dia. Como o volume da preparação fica pequeno, quem está cuidando da alimentação pode acrescentar algum ingrediente que aumente a saciedade, como a semente de chia que ainda enriquece a receita com fibras e gordura ômega 3 (importante para o funcionamento neurológico e cardíaco).

Receita: bata 4 ovos, 1 colher de sopa de chia, sal e pimenta-do-reino a gosto. Leve à uma frigideira, em fogo baixo, mexendo com uma espátula até ficar no ponto desejado.


Almoço com ovo poché: para acompanhar a salada, um ovo poché temperado com açafrão-da-terra, um dos alimentos mais ricos em antioxidantes. A raíz também possui ação anti-inflamatória, reduz dores em geral e auxilia na redução de peso. Estudos evidenciam que as substâncias do açafrão são mais absorvidas pelo nosso organismo quando aliada à pimenta-do-reino, outro tempero que a nutricionista recomenda o consumo.

Receita: ferva água em uma panela. Adicione 2 colheres de sopa de vinagre, desligue o fogo e mexa até formar um redemoinho. Quebre o ovo em uma tigela e, com cuidado, adicione bem no centro do redemoinho. Com ajuda de uma escumadeira, envolva a gema com a clara. Após aproximadamente 3 minutos, retire o ovo da panela, sirva com a salada e tempere com açafrão-da-terra e pimenta-do-reino.


Lanche da tarde com ovo nevado: o alimento também pode fazer parte de receitas doces, como é o caso do ovo nevado. Como a receita original é bem calórica, a nutricionista tem uma versão funcional que substitui o açúcar branco por açúcar mascavo ou demerara; o leite por bebida vegetal; e ainda acrescenta canela para aproveitar a sua ação termogênica que ajuda a controlar o peso.

Receita: bata 3 claras até ganhar corpo (com batedeira ou fouet). Adicione ¼ de xícara de açúcar demerara e continue batendo até ficar brilhoso. Em outra tigela, bata as 3 gemas com ¼ de xícara de açúcar. Esquente 1 xícara da bebida vegetal de sua preferência, desligue o fogo e adicione aos poucos a mistura de gemas até incorporar. Sirva a gemada em uma tigela média. Com a ajuda de duas colheres, faça quenelles (canoinhas) com a clara, sirva na gemada e polvilhe canela a gosto para finalizar.


Jantar com omelete: a dica é refogar alimentos nutritivos, como a couve e o tomate, para formar uma refeição completa. Além disso, utilize sal marinho, que possui o iodo adequado para funcionamento da tireoide e pimenta vermelha, que tem ação termogênica.

Receita: em uma frigideira grande, refogue 2 folhas de couve orgânica, ½ cebola roxa e 1 tomate em cubinhos no azeite de oliva. Bata 4 ovos, ½ xícara de bebida vegetal, pimenta vermelha e sal marinho. Jogue na frigideira, espere aproximadamente 5 minutos e está pronto. Se desejar, sirva mais uma porção de couve fatiada bem fininha por cima da omelete.

Bônus: receitas que fazem sucesso no consultório!

Panqueca de banana: misture 1 ovo batido, 1 banana esmagada, 1 colher de chá de farinha de banana verde, canela e cacau em pó. Coloque em uma frigideira antiaderente preaquecida e espere ganhar consistência.

Panqueca de quinoa: misture 1 ovo batido, 1 colher de sopa de quinoa em flocos, 1 pitada de açafrão-da-terra e uma pitada de pimenta-do-reino. Coloque na frigideira e, quando a massa estiver pronta, recheie com muçarela de búfala ou queijo minas.

Já sabe qual vai preparar primeiro?

Deixe uma resposta